Noite adentro

Noite adentro

Sinopse

Noite adentro é o livro que encerra a trilogia Tempos fugit, iniciada com Tapete de silêncio (Global, 2011) e sequenciada por Pouso do Sossego (Global, 2014). Neste novo romance, composto por 2 planos narrativos, um em primeira pessoa e outra na terceira, Menalton adota a forma certeira para emanar a atmosfera de suspense e de dilemas humanos que compõe a chave narrativa do livro. Num dos planos, Sophia expressa o alumbramento que tinge a experiência de conhecer seu pai, agora homem livre após vinte anos encerrado na prisão. Com tanta distância e tanto silêncio, há muito a ser dito. O encontro entre eles indicia a procura por respostas e por identidades que ficaram vagando em zonas cinzentas da memória e que caminham a partir de então para lugares inesperados e definitivos. No plano narrado em terceira pessoa, somos levados a conhecer o tumultuado e misterioso universo dos donos do poder de Pouso do Sossego, localidade em que a trilogia está assentada. Osório, doutor Madeira e outros personagens, conhecidos por sua sufocante influência nos rumos públicos e privados da pacata cidade, reaparecem neste livro como figuras emblemáticas de um sistema de valores que, a duras penas, deseja ter as suas verdades perpetuadas.

Autor

Professor, contista e romancista, Menalton Braff nasceu no Rio Grande do Sul, em 23 de julho de 1938, de onde transferiu-se para a cidade de São Paulo, para concluir o curso de Letras e a Pós-Graduação (lato sensu) em Literatura Brasileira. Em seus dois primeiros livros assinou com o pseudônimo Salvador dos Passos, passando a usar o próprio nome a partir de À sombra do cipreste. Procurando melhor qualidade de vida, abandonou a capital, estabelecendo-se próximo de Ribeirão Preto, onde dedica seu tempo à literatura. Conquistou vários prêmios literários, como o Jabuti – Livro do ano (2000) e foi finalista da Jornada de Passo Fundo, do Portugal Telecom, do Jabuti (duas vezes) e do Prêmio São Paulo de Literatura, primeira edição. Recebeu Menção Honrosa do Prêmio Casa de las Américas – La Habana. Tem participado de eventos literários, salões de ideias e feiras do livro em diversas localidades do Brasil, como as Feiras de Ribeirão Preto, Bauru, Porto Alegre, Belém do Pará, Sertãozinho, Ouro Preto e Guarulhos.